Morre Ex- companheira do Vice-Prefeito de Canapi vítima de atentado supostamente planejado pelo próprio ex-companheiro

Professora lutava pela vida há 10 dias


Arquivo Pessoal
Este Domingo (19) foi um dia muito triste para familiares, amigos, colegas de trabalho e conterrâneos da professora Josielma Alves da Silva de 39 anos, vitima de um atentado a bala no ultimo dia 09/04 em um Salão de Beleza no município de Paulo Afonso/BA. 

Ex-Companheira do vice-prefeito de Canapi Genaldo Soares Vieira, mais conhecido como “Vieira do Povão”, no momento do crime Josielma estava sentada dentro de um Salão de Beleza, quando dois homens em uma motocicleta de características não divulgadas chegaram, o passageiro desceu do veículo e efetuou vários tiros contra a mesma que foi atingida no pescoço.

Internada as pressas, entre um hospital e outro foram 10 dias lutando pela vida, até que na manhã deste Domingo, foi divulgada a triste notícia que ninguém gostaria de receber, Josielma não resistiu e veio a falecer.  A cidade parou com a triste notícia.

A polícia no mesmo dia do atentado conseguiu prender dois jovens acusados pelos disparos, os quais encontram-se a disposição da justiça que investiga quem seria o mandante do crime, já que os jovens que momentos depois da prisão em flagrante chegaram a confessar a autoria do atendado não tinham qualquer relação com a vitima.

Os autores materiais do atendado ao serem pegos pela Policial chegaram a confessar que o próprio ex- companheiro da vítima seria o mandante do crime, Os suspeitos, um menor, J.E.L.S., de 14 anos, e Fabiano da Silva Santos, conhecido como Bolinha, foram localizados após o crime e, em depoimento, relataram que foram contratados para matar a vítima. 

De acordo com a delegada Ligia Nunes de Sá, responsável pela Delegacia da Mulher de Paulo Afonso, as informações dos suspeitos apontam o vice-prefeito como "possível mandante do crime". No entanto, esclareceu a delegada, só ao final das investigações é que será possível apontar se, de fato, Genaldo Soares contratou os criminosos. 



De acordo com eles, que estão detidos, Genaldo ordenou a morte de Josielma Alves, de 39 anos, devido o fim relacionamento amoroso que mantinham. veja:


Minutos depois da confirmação da morte da professora, as redes sociais foram invadidas com mensagem de pesar e pedidos de justiça pela elucidação e prisão do mandante do crime. Confira no perfil dela no Facebook:




Por Redação 

Segunda-Feira, 20 de Abril de 2015


0 comentários

Comentário