Dilma quer lançar 'banda larga para todos' com velocidade de 25Mbps



Em meio a um ajuste fiscal, o Ministério das Comunicações prepara um projeto para levar internet com velocidade de 25 Mbps a 98% dos domicílios até 2018, usando recursos de um fundo setorial que hoje ajuda o governo a fazer caixa para pagar os juros de sua dívida. Batizado de Banda Larga para Todos, o plano é uma promessa de campanha da presidente Dilma Rousseff, que pretende universalizar a internet e elevar a velocidade das conexões a patamares de nações de ponta, como a Coreia do Sul, onde a internet é de 25 Mbps. 

No Brasil, essa média é de 2,9 Mbps, segundo a consultoria Akamai. A Folha apurou que, para se tornar realidade, o governo estuda fazer parcerias públicoprivadas com as operadoras ainda no primeiro semestre deste ano. O investimento seria de R$ 50 bilhões. 

O governo entraria com R$ 15 bilhões, e as teles, com a diferença (R$ 35 bilhões). Os recursos públicos sairiam do Fistel (Fundo de Fiscalização das Telecomunicações), que hoje conta com R$ 47 bilhões em caixa e ajuda pagar as contas da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) e os outros fundos setoriais. 


Por Folha de São Paulo

Sábado, 11 de Abril de 2015

0 comentários

Comentário